Consciência negra: uma semana e sempre

Consciência negra: uma semana e sempreBrandon Redfern / reprodução

A comemoração do Dia Nacional da Consciência Negra, celebrado em todo o país no dia 20 de novembro, marca a programação do Centro Cultural Venda Nova,  entre os dias 23 e 26 deste mês. Sarais, oficinas, espetáculos de dança e teatro afro-brasileiros são oferecidos gratuitamente na Rua José Ferreira dos Santos, 184, no bairro Novo Letícia, em Belo Horizonte.

Veja a programação completa abaixo e marque na agenda:

Dia 23/11, quarta-feira, a partir das 14h
Sarau lítero musical com Aline Cântia.

Dia 24/11, quinta-feira, a partir das 15h
Oficina de Dança Afro com a companhia Carlos Afro & Cia. A programação da oficina inclui a apresentação de ritmos, percussão ao vivo e dança brasileira de matriz africana e afro-brasileira. Para participar, ligue para (31) 3277-5533 e inscreva-se.

Dia 24/11, quinta-feira, a partir das 19h30
Espetáculo Fragmentos Afros da Dança Brasileira com a companhia Carlos Afro & Cia. O espetáculo aborda as origens étnicas do índio e do africano e os encantos tribais que revelam a cultura brasileira.

Dia 25/11, sexta-feira, a partir das 9h30
Palestra: História da África com Kelly Cardoso (Carlos Afro & Cia). A palestra vai abordar as contribuições dos povos africanos para a cultura dos brasileiros. Para participar, ligue para (31) 3277-5533 e inscreva-se.

Dia 25/11, sexta-feira, às 18h30
Espetáculo da Cia Baobá de Dança – Minas. Temáticas como a oralidade, memória, ancestralidade e identidade e o saber dos mestres populares fazem parte da performance.

Dia 25/11, sexta-feira, a partir das 19h30
Puxada de Rede com  o graduado Jabuti, da Fundação Internacional de capoeira Artes das Gerais. Apresentação de uma “Puxada de Rede”, manifestação da cultura afro-brasileira que retrata o ritual da pesca. Uma roda de capoeira encerra o espetáculo.

Dia 26/11, sábado, a partir das 10h30
Apresentação Musical do Grupo Casa Voz com regência de Eduardo Pio. O grupo, com formação na Região de Venda Nova, apresenta repertório composto por canções que exploram a cultura mineira e seu caráter regional. Uma performance que inclui uma amostra dos sons que são produzidos pelo corpo integrado a batidas rítmicas e  melodias cantadas faz parte do espetáculo.

Dia 26/11, sábado, às 13h
Apresentação da Velha Guarda do Samba. Composições autorais e sambas enredo das escolas de samba da capital mineira estão na programação do grupo, formado na metade do século passado.

Neste mês, o Centro Cultura Venda Nova também promove oficinas de literatura. Veja a programação:

Dia 16/11, quarta-feira, a partir das 14h30
Poema e letra de música com Sérgio Fantini. Roda de Leitura de poemas e letras de música trazidas pelo público e discussão em torno do processo criativo de poetas e letristas.
Público: Jovens e Adultos
Vagas: 20

Dia 30/11, quarta-feira, a partir das 14h30
A bola rola nestas Letras com Ana Amélia Lage Martins. Leitura compartilhada e discussão de contos e crônicas sobre futebol de Luís Fernando Veríssimo, Carlos Eduardo Novaes e Carlos Drummond de Andrade.
Público: acima de 15 anos
Vagas: 20

Além de manter uma biblioteca comunitária, o Centro Cultural de Venda Nova também oferece outras atividades permanentes, como aulas de dança contemporânea para crianças, grupo de estudos de violão, oficina de tecelagem, de capoeira e encontros de liang gong (técnica que une os conhecimentos da Medicina Tradicional Chinesa e a Moderna Medicina Ocidental).

Para obter mais informações e se inscrever para as oficinas, ligue para (31) 3277-5533.