Teatro e literatura no FIT-BH 2012

Teatro e literatura no FIT-BH 2012Redd Angelo / unsplash

No mês de junho, Belo Horizonte será palco para uma série de atividades culturais. Entre os dias 9 e 24, acontece a 11ª edição do FIT-BH, Festival Internacional de Teatro Palco e Rua. Nos 16 dias de programação, o evento reúne 19 espetáculos internacionais, 12 nacionais e 10 locais, com 157 apresentações em aproximadamente 60 diferentes espaços.

Pra Ler destacou peças inspiradas em livros que os amantes da literatura não podem deixar de conferir. Veja abaixo:

umnenhumcemmil

O vencedor do Prêmio Nobel de Literatura em 1934, Luigi Pirandello (1867-1936), visita as minas gerais com o ator Cacá Carvalhoumnenhumcemmil é a última parte de uma trilogia sobre o autor italiano que começou em 1994, quando Cacá encenou O Homem com a Flor na Boca. Depois, foi a vez de A Poltrona Escura, em 2003. A nova peça é a tradução cênica do último romance do autor, Um, Nenhum e Cem Mil. A história é iniciada por uma observação cotidiana, que dá origem a um questionamento existencial: quando a esposa do protagonista comenta que o nariz dele é torto, o homem se dá conta de que nem ele próprio se conhece.

Quando: 15 e 16/6, às 21h | 17/6, às 20h |18/6, às 19h
Onde: Spetáculo Casa de Artes

Romeu e Julieta & Sua Incelença, Ricardo III

 

Shakespeare chega em dose dupla às ruas belorizontinas – e com gingado brasileiro. Em comemoração aos seus trinta anos, o Grupo Galpão remonta a adaptação de Romeu & Julieta, seu espetáculo mais conhecido. Com concepção e direção geral de Gabriel Villela, a peça é transposta para o contexto da cultura popular brasileira, com linguagem inspirada em Guimarães Rosa e no sertão mineiro. Villela assina também a direção de Sua Incelença, Ricardo III, adaptação da obra do Bardo de Avon feita pelo Grupo de Teatro Clowns de Shakespeare, que ambienta o clássico no universo lúdico do picadeiro do circo. Palhaços mambembes e carroças ciganas fazem parte do diálogo criado entre o sertão e a Inglaterra elisabetana.

Romeu e Julieta – Quando e onde: 9/06, às 19h, na Praça do Papa | 10/06, às 16h, na Praça do Papa | 16/06, às 16h, no Parque Estrela Dalva | 23 e 24/06, às 16h, no Parque Ecológico da Pampulha
Sua Incelença, Ricardo III – Quando e onde: 9/06, às 19h, na Praça Nova da Pampulha | 11 e 12/06, às 21h, na Praça Duque de Caxias.

O Idiota – Uma novela teatral

 

O grupo Mundana Companhia de Teatro faz adaptação de O Idiota, densa obra Fiódor Dostoiévski. Com 6 horas e meia de duração (e dois intervalos), “a longa jornada de travessia pelo clássico da literatura proposta pela mundana cia de teatro faz jus ao retrato humanista do autor russo, que põe em relevo a postura ética do indivíduo diante do mundo”, descreve o site do evento. Mais do que recriar a obra do russo, a ideia é explorar a interatividade – o público é convidado a se deslocar para acompanhar ações que acontecem em três planos simultâneos. Leia aqui matéria da Bravo! sobre a peça.

Quando: 19 e 20/06, às 17h | 20, 22, 23 e 24/06 às 19h
Onde: CentoeQuatro

Abito

 

O grupo italiano Fondazione Pontedera Teatro leva para os palcos peça inspirada no Livro do Desassossego, do escritor português Fernando Pessoa. O drama recria a Lisboa de um ajudante de guarda-livros através da música. A mistura e a agitação de doze bicicletas trazem vida ao espaço da ação, sempre em movimento.

Quando: 14/06, às 19h | 15 e 16/06 às 20h
Onde: Teatro Francisco Nunes

Lisboa

 

A homenagem do grupo italiano Fondazione Pontedera Teatro à obra do português Fernando Pessoa tem continuidade no espetáculo de rua gratuito. “Na apresentação, o poeta anda pelas ruas e praças, num jogo lúdico com os passantes, à procura de sua amada cidade de natal, Lisboa. Com ele estão seus famosos heterônimos – como Alberto Caeiro, Ricardo Reis e Álvaro de Campos –, que o guiam, enganam, cantam e dançam”, informa o site oficial. Todos ele(s), abordo de bicicletas.

Quando e onde: 16/05, às 11h, na Praça da Liberdade; 17/06, às 10h, na Praça Professor Godoy Betônico; 18/06, às 16h, na Praça Floriano Peixoto; 19/06, às 14h, na Praça Duque de Caxias.

Antes do silêncio

 

Fragmentos da obra de Samuel Beckett, vencedor do Nobel da Literatura em 1939, inspiram a peça dirigida pelo mineiro Eid Ribeiro. A peça é criada a partir do encontro de um estranho casal: um homem frio e desapegado de tudo e de todos, que visita suas obsessões e amores; uma mulher misteriosa, passeando por um tempo circular. A ideia é tratar da grandeza e da miséria da condição humana a partir da obra do escritor irlandês.

Quando: 13/06, às 21h; 14/06, às 22h; 15/06, às 19h
Onde: Teatro Dom Silvério

Eclipse

 

Em Eclipse, o Grupo Galpão faz uma viagem livre pela obra do escritor Anton Tchekhov, dramaturgo e escritor russo considerado um dos maiores contistas de todos os tempos. Em cena, cinco pessoas aguardam o final de um eclipse solar enquanto discutem sobre a existência e a condição humana, o que desencadeia uma série de situações absurdas.

Quando: 20/06, às 19h; 21/06, às 19h30; 22/06, às 17h
Onde: Teatro Francisco Nunes

A Mulher Sem Pecado

 

A obra homônima de Nelson Rodrigues inspira o espetáculo em que um homem ciumento e possessivo perturba sua mulher Lídia, com fantasias de sexo e luxúria, enquanto questiona também sua fidelidade.

Quando: 14/06, às 21h; 15/06, às 19h
Onde: Teatro Sesiminas

A pequenina América e sua avó $ifrada de escrúpulos

 

Livremente inspirado na obra La triste historia de la Cándida Eréndira y su abuela desalmada, de Gabriel García Márquez, o espetáculo conta a história de América, uma menina com a linha do equador no umbigo, roubada por uma velha $ifrada no peito e nos olhos.

Quando: 10/06, às 19h; 11/06, às 20h
Onde: Teatro Marília

Mistero Buffo

 

A obra homônima do escritor, dramaturgo e comediante italiano, Dario Fo, ganhador do Nobel de Literatura em 1997, inspira o espetáculo que trata de questões como a espetacularização da fé e a exploração da miséria, apresentadas sob a ótica ácida dos palhaços.

Quando: 
18/06, às 21h; 19/06, às 22h; 20/06, às 19h
Onde: Teatro do Oi Futuro Klauss Vianna

Os ingressos podem ser adquiridos online ou nos postos de vendas. Confira também a programação completa do evento, ou faça o download da grade.

Jessica Soares

As páginas amareladas, a poeira da capa, o lugar escondido no armário em que esperava por ser desbravado – a história sempre teve início antes das palavras. Nunca pisei no solo de outro planeta. Mas, na falta de naves, aviões e ônibus de viagem, embarquei nas páginas dos livros, que nunca falharam em me levar para longe.