Flip e a programação da Casa da Cultura

Flip e a programação da Casa da CulturaRedd Angelo / unsplash

A Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), um dos mais importantes eventos literários do país está chegando. Aos poucos são divulgados os autores que vão estar presentes no evento, detalhes das atividades e até algumas surpresas. Agora foi divulgada a programação da Casa da Cultura, que em 2003 sediou a primeira edição da festa e atualmente é um espaço paralelo de encontros e discussões durante a Flip. Quem fez a seleção dos debates, discussões e outras atividades foi o curador do evento, o jornalista Miguel Conde. O espaço é famoso por trazer outros formatos para tratar de literatura, como peças de teatro, exibição de filmes, leitura de livros e exposições. Outro ponto a favor da Casa é que ela traz uma série de atividades gratuitas, ao contrário da programação principal.

Na Casa de Cultura, a Flip começa na quinta-feira, dia 5, com um debate sobre a obra de Jorge Amado, em homenagem ao autor que neste ano completaria 100 anos. O escritor João Ubaldo Ribeiro e o dramaturgo Walcyr Carrasco, autor da novela Gabriela, inspirada no romance Gabriela, Cravo e Canela, de Jorge Amado, participam da conversa. Na sexta-feira, dia 6, o presidente da Fundação Biblioteca Nacional, Galeno Amorim, anuncia novas políticas públicas em relação ao livro e faz um balanço do programa de apoio à tradução de obras brasileiras.

No sábado, entre as várias atividades, os escritores brasileiros Carola Saavedra e João Paulo Cuenca e seus tradutores, Maria Hummitzsch e Michael Kegler, discutem as dificuldades linguísticas e culturais para se traduzir uma obra. Quem media o debate é o tradutor e professor de alemão, Berthold Zilly. Entre os filmes que serão exibidos estão o de Rogério Velloso que aborda a vida do músico Itamar Assumpção, morto em 2003, e vai ao ar no dia 8. Também será apresentada a peça Cartas de Maria Julieta e Carlos Drummond de Andrade, um monólogo que tem como matéria-prima as correspondências trocadas entre pai e filha. A peça, dirigida e encenada por Sura Berditchevsky, poderá ser vista no dia 5, às 21h30

Para ver a programação completa e outras informações sobre o evento, acesse o site www.flip.org.br. Curiosidades, bastidores e outras notícias, podem ser vistas no blog www.flip.org.br/blog.php.

Thais Marinho

Ainda são poucos os livros na minha estante e muitos na lista para serem lidos, mas a paixão por eles já está há muito tempo instalada. Hoje, cá estou, quase ex-jornalista, estudante de Letras, atualmente em terras hermanas, desbravando o argentinês e as literaturas hispano-americanas.