Literatura em 140 caracteres

Literatura em 140 caracteresDylan Luder / unsplash

“João, tua mulher é amante do doutor Pedro e não é de hoje. – Um amigo.”

Conciso. Esse é Dalton Trevisan. A habilidade de contar uma boa história em poucas palavras vem sendo perseguida pelos autores, e não é de hoje. Muitos deles passam tempos debruçados em seus textos para cortar frases e palavras até chegar ao “osso da linguagem“.

Dizer com o menor número de palavras é um talento que vai ser reconhecido na segunda edição do Concurso Todoprosa de Microcontos para Twitter. Os participantes devem escrever um microconto em até 140 toques – como um tweet. O prêmio está no ar desde ontem, dia 25, e vai até 13 de julho. Até lá, é possível bolar três histórias diferentes para concorrer.

O concurso é promovido por Sérgio Rodrigues, que escreve para o blog Todoprosa. Os microcontos vitoriosos serão publicados no blog e divulgados pelo Facebook e pelo Twitter. Conheça as regras aqui e participe.

Imagens retiradas daqui e daqui.

Julia Marques

Julia Marques

Quando era bem pequena resolvi escrever um livro. Era a história de um barquinho que perdeu o rumo no mar. Desde então, minha relação com a literatura vem em ondas: às vezes bate forte, sacudindo tudo. Outras vezes sossega. Encontrei no Pra Ler o sopro para essa aventura. Meu barquinho infantil segue cambaleando por esse mar de histórias, personagens, e cenários. Talvez um dia ele aviste um porto.
Julia Marques