Clássicos interativos para crianças

Clássicos interativos para criançasDylan Luder / unsplash

A ideia de adaptar grandes clássicos da literatura para a leitura infanto-juvenil não é novidade. Isso não quer dizer, no entanto, que não haja espaço para inovação. Para provar isso, Helena Díez-Fuentes apostou na ideia de levar as famosas obras para o meio que os pequenos andam tateando desde cedo.

Por meio da Media Minds, empresa da qual é sócia fundadora, foram lançados Las Aventuras de Don Quijote Sonhos de Uma noite de Verão.

Mais que simples e-books, os aplicativos, lançados em abril e julho deste ano, oferecem aos baixinhos (e aos crescidos – por que não?) uma versão interativa dos clássicos. O livro de Miguel de Cervantes, publicado originalmente em 1605, e a obra de William Shakespeare, escrita em meados de 1590, sacodem a poeira de suas páginas amareladas e chegam aos dispositivos portáteis em nova roupagem: além de narração, trilha sonora original e ilustrações, cada página do aplicativo contém objetos escondidos e quebra-cabeças que buscam potencializar a experiência de imersão permitida pela leitura.

Abaixo você confere os vídeos que mostram as diversas possibilidades dos clássicos reinventados:

Os livros interativos fazem parte da série Touch of classic“que dá vida aos clássicos, despertando o interesse das crianças e apresentando a elas alguns dos mais famosos personagens da literatura”, informa o site oficial. O próximo livro a ganhar versão sensível ao toque é Frankestein, de Mary Shelly, ainda sem previsão de lançamento.

Atualmente os aplicativos estão disponíveis apenas na iTunes Store – presente em iPod, iPhone e iPadA versão dos livros para Android está sendo desenvolvida.

 

Jessica Soares

As páginas amareladas, a poeira da capa, o lugar escondido no armário em que esperava por ser desbravado – a história sempre teve início antes das palavras. Nunca pisei no solo de outro planeta. Mas, na falta de naves, aviões e ônibus de viagem, embarquei nas páginas dos livros, que nunca falharam em me levar para longe.