Quando livros e professores não fazem sentido

Quando livros e professores não fazem sentidoDylan Luder / unsplash

Você está estudando e surge aquela dúvida. Você relê suas anotações e não entende nada. Consulta os livros e não encontra o que precisa. Joga no Google e nada te satisfaz. Desespero? Não, o SparkNotes pode te dar uma luz. Segundo os editores, o site é um “recurso para quando você estiver confuso. Nós ajudamos a entender livros, escrever ensaios e estudar para testes. Somos claros e concisos, mas nunca deixamos informação importante de fora”.

O conteúdo do site é feito por uma equipe de ex-alunos das principais universidades norte-americanas. Além desse time, eles também trabalham com especialistas para produções de quiz, blog e dos conteúdos relacionados a livros. Aliás, é em relação aos livros que o SparkNotes mais se destaca. Muito além de fazer resumos, eles produzem diversos materiais para ajudar os alunos a compreenderem uma obra. Um dos que mais se destacam são os vídeos, que mostram os principais acontecimentos de grandes clássicos.

Longe de serem enfadonhos, eles cumprem a missão de apresentar as histórias utilizando várias imagens e um texto interessante. Dentre os autores que mais foram transformados em vídeo está Shakespeare, com Sonho de uma noite de verãoJúlio CésarHamletRei LearRomeu e JulietaMacbeth e Otelo. Outros clássicos comoOdisseia, de Homero, 1984, de George Orwell, e Frankenstein, de Mary Shelley também podem ser encontrados no site. Assista abaixo ao vídeo-resumo de O apanhador no campo de centeio, de J.D. Salinger, em inglês, e entre no site para ver todos os outros.

Brunin Assis

Cheirei um livro pela primeira vez aos quatro anos. Aos dez já era frequentador de bibliotecas. Aos quinze comecei a consumir exemplares mais pesados. Aos vinte não conseguia mais sair de casa sem um livro. Hoje sonho em ter uma casa cheia deles, mas tenho medo de ser preso por tráfico de cultura.