50 anos de horrorshow

50 anos de horrorshowRedd Angelo / unsplash

Em 2012, completam-se cinco décadas que Alex DeLarge e sua gangue de delinquentes ingleses bota para quebrar por aí. Ou, pelo menos, foi em 1962 que o livro Orange Clockwork, de Anthony Burgess, foi publicado pela primeira vez (a obra só chegou ao Brasil em 1971) e nós fomos apresentados à violenta, psicótica e atormentadora história de Alex. O sucesso do trabalho de Burgess foi consolidado e multiplicado pelo filme homônimo de Stanley Kubrick de 1971.

Para comemorar o quinquagésimo aniversário do livro, está sendo lançada uma edição especial no Brasil pela Aleph (352 págs, R$ 79). O livro traz conteúdos inéditos (como a reprodução de seis páginas datilografadas originalmente por Burgess), além de extras. A obra será ilustrada por três artistas: o britânico Dave McKean, o brasileiro Angeli e o argentino Oscar Grillo. A celebração do jubileu de ouro de Laranja Mecânica, com o lançamento da edição especial estão marcados para o próximo dia 22 de novembro.

Vimos na Zupi
Imagens Colherada Cultural

Ennio Rodrigues

Adoro as mais improváveis viagens que se pode imaginar a partir de um texto, até as divergentes. Não sou leitor precoce, mas tenho uma ótima arma: curiosidade. D’O Guia do Mochileiro das Galáxias ao Machado. Foi um amigo que disse certa vez e concordo: “nem que passasse a vida inteira a ler, terminaria todos os Clássicos! Em vez disso, prefiro apenas tentar encontrar livros que me tirem do lugar”.